Cidade Responsável
Mercado Cervejeiro

Cervejarias se unem contra o patrocínio de festas universitárias com bebida livre

Outubro/2016

As cervejarias associadas da Associação Brasileira da Indústria da Cerveja (CervBrasil) anunciam acordo em que se comprometem a não mais oferecer patrocínio para festas universitárias do tipo “open bar”, em que bebidas são consumidas sem limites por um preço fixo.

As associadas da CervBrasil concordaram que não apoiarão eventos universitários que tenham a modalidade de venda livre de bebidas alcoólicas (“open bar”) – o que inclui não divulgar, não ativar e não patrocinar.

A partir de agora, festas com esta característica não receberão apoio ou patrocínio por meio de fornecimento de material promocional – o que inclui mesas, cadeira, coletes, guarda-sol, etc – e também não terão autorização para exibir marcas de cervejas em seu material de promoção, o que inclui flyer, convite, site e publicidade interna e externa.

“O setor entende que pode trabalhar em conjunto com a sociedade para promover um consumo responsável de seus produtos. Para nós, a cerveja é um elemento agregador, para momentos de celebração e não deve ser consumida em excesso”, afirma Paulo Petroni, diretor executivo da CervBrasil.

As empresas que formam a CervBrasil já começam a partir de agora aplicar as regras acordadas, por meio de suas áreas de consumo responsável, marketing e vendas. Cada cervejaria comunicou ainda seus distribuidores sobre a importância do cumprimento do compromisso.

“Acreditamos que eles também estarão juntos conosco nessa iniciativa tão importante, que é um passo importantíssimo para conscientizarmos os jovens sobre o consumo responsável de bebidas alcoólicas. Trata-se de uma mudança profunda no modo de funcionamento de festas universitárias, e por isso, entendemos que alguns parceiros ainda terão que se adaptar. Mas estamos confiantes que conseguiremos adesão total e contamos com o apoio de todos para o respeito integral a esse compromisso. afirma Petroni.

Nos últimos anos este tipo de posicionamento foi firmado com ações como o Projeto Cidade Responsável, que tem como objetivo combater o consumo de bebidas alcoólicas por menores de 18 anos de idade. Após ser implementado em Fernandópolis (SP), em 2014, o Projeto Cidade Responsável está presente em dois municípios: São Bernardo do Campo (SP), no ABC paulista, e em Americana, na macrorregião de Campinas (SP).







Área restrita